Defesa da Mulher

Caravana em Defesa das Mulheres vai ampliar políticas públicas e qualificar gestores em todo o Estado

“É uma importante ação do Governo Ratinho Júnior que sensibiliza e qualifica gestores municipais para implantar ou ampliar as políticas públicas em defesa da mulher, estabelecendo Conselhos e os Fundos Municipais da Mulher”, afirmou Maria Victoria, idealizadora da Caravana.

Caravana em Defesa das Mulheres vai ampliar políticas públicas e qualificar gestores em todo o Estado
Foto: Divulgação
Publicado em 17/07/2023 às 11:45

A deputada estadual Maria Victoria (PP) destacou a importância do programa “Caravana em Defesa das Mulheres” para orientar e auxiliar as prefeituras na construção de políticas públicas para mulheres e para acessar os recursos estaduais para essas ações.
O programa é uma parceria do Governo do Estado, por meio da Secretaria da Mulher, Igualdade Racial e Pessoa Idosa, com a Associação dos Municípios do Paraná (AMP) e realizou um encontro em Maringá na última quinta-feira (13).
“É uma importante ação do Governo Ratinho Júnior que sensibiliza e qualifica gestores municipais para implantar ou ampliar as políticas públicas em defesa da mulher, estabelecendo Conselhos e os Fundos Municipais da Mulher”, afirmou Maria Victoria.


Em Maringá, o evento contou com a participação de prefeitos, vice-prefeitos, secretários, vereadores e lideranças de municípios da Amusep (Associação dos Municípios do Setentrião Paranaense) e da Amunpar (Associação dos Municípios do Noroeste do Paraná).
A secretária da Mulher, Igualdade Racial e Pessoa Idosa, Leandre Dal Ponte, reforçou que o Governo do estado vai dar todo o suporte para que as prefeituras criem estruturas de defesa da mulher.
“Nosso objetivo também é cofinanciar as prefeituras e abrir novo horizonte de protagonismo da mulher. Os municípios gastam 80% do seu tempo combatendo os efeitos não as causas dos problemas. Temos que trabalhar a prevenção da mulher também. Nossa intenção é orientar vocês e desenvolverem políticas públicas desafiadoras em defesa das mulheres”, disse durante a reunião.



PREFEITOS – O prefeito de Maringá, Ulisses Maia, reforçou a importância da criação do Fundo Municipal da Mulher. “Muitos recursos só virão para os órgãos que tiverem estruturas para as mulheres”, afirmou.
O presidente da Amusep, representante da diretoria da AMP e prefeito de Ângulo, Rogério Bernardo, avaliou que lugar de mulher é onde elas quiser. “Tenham a certeza de que os municípios vão dar cada vez mais oportunidades a vocês”.
A prefeita de Astorga, diretora da AMP e Presidente do Movimento de Mulheres Municipalistas do Paraná, Suzie Pucillo, parabenizou o governador Carlos Massa Ratinho Junior por ter criado a secretaria. “O que queremos é ter mais igualdade com os homens. Precisamos combater todas as formas de violência contra as mulheres”.


SOBRE – O programa “Caravana Paraná Unido pelas Mulheres” foi lançada no dia 29 de maio, em Curitiba, junto com o Pacto em Defesa da Mulher do Paraná.
Além da abertura de Curitiba e Maringá, a caravana já esteve em Cascavel (15/06), em Francisco Beltrão (16/06), em Santo Antônio da Platina (30/06), em Irati (06/07). Nesta sexta, o evento acontece em Arapongas.