Cidadania

CGE intensifica contato com estudantes para desenvolver o exercício diário da cidadania

Representantes de turma e integrantes de grêmios estudantis conhecem Portal da Transparência e aprendem a usar a Ouvidoria. Em uma semana, a equipe foi a oito escolas em cidades diferentes de três Núcleos Regionais de Educação.

CGE intensifica contato com estudantes para desenvolver o exercício diário da cidadania
CGE intensifica contato com estudantes para desenvolver o exercício da cidadania
Foto: CGE
Publicado em 10/07/2023 às 12:00

O Programa CGE Itinerante, da Controladoria-Geral do Estado (CGE), começou um trabalho voltado aos estudantes de escolas públicas. A proposta, nesta fase, é orientar alunos, principalmente do ensino médio, sobre os instrumentos de controle da administração pública, como Portal da Transparência e Ouvidoria. Está prevista ampliação da abordagem, com campanhas para melhorar as relações interpessoais no ambiente escolar.

Em uma semana, a equipe foi a oito escolas em cidades diferentes de três Núcleos Regionais de Educação. Participaram dos encontros 164 estudantes e 169 pais ou responsáveis. São convidados os integrantes do grêmio estudantil e representantes de turma, que serão multiplicadores das informações na comunidade escolar.

Eles recebem orientação sobre como acessar e buscar informações relacionadas à escola dentro do Portal da Transparência e como questionar o Governo do Estado, caso não concorde com alguma ação.

“Estamos fortalecendo esse direito nos jovens, para que se tornem cidadãos mais conscientes de seus papéis na vida em sociedade e participativos nas decisões da administração pública. Na próxima fase, vamos abordar também outros assuntos, como bullying e as relações humanas dentro da escola”, afirmou a controladora-geral do Estado, Luciana Silva.

ATRIBUIÇÕES – A Constituição e a Lei de Acesso à Informação preveem o controle da sociedade sobre a gestão pública. A iniciativa que tem o intuito de reforçar este direito junto aos estudantes é da Coordenadoria de Transparência e Controle Social, que coordena o programa em parceria com a Coordenadoria de Ouvidoria. Matheus Gruber, coordenador de Transparência, destacou que o incentivo ao controle social faz parte das atribuições delegadas à CGE.

Até então, o Programa CGE Itinerante fazia entrevistas com usuários de serviços públicos estaduais, para que eles avaliassem o atendimento a suas necessidades. O controle social é instrumento para a administração pública examinar suas ações e programas e, se for o caso, adotar novas estratégias para melhor atendera a população.

“Quem mais sabe identificar falhas e melhorar serviços é quem faz uso deles. Por isso, o CGE Itinerante promove pesquisas de satisfação com quem acabou de ser atendido, e agora começa nova fase para estimular os estudantes a se envolverem com a gestão”, comentou Gruber.