Apreensões

Entre junho e julho, Polícia Militar registrou aumento de 64% nas apreensões de maconha

O principal responsável desse aumento são as operações policiais e o reforço preventivo e ostensivo das fiscalizações, sobretudo nas rodovias que cruzam o Paraná.

Entre junho e julho, Polícia Militar registrou aumento de 64% nas apreensões de maconha
Foto: PMPR
Publicado em 17/07/2023 às 12:00

A Polícia Militar do Paraná apreendeu mais de 36 toneladas de maconha, entre os dias 06 de junho e 06 de julho, um aumento de 64,4% na comparação com o mesmo período do ano passado.

As operações policiais e o reforço preventivo e ostensivo das fiscalizações, principalmente, nas rodovias que cruzam o Paraná, são as principais responsáveis pelo aumento no número de apreensão de drogas pela PMPR. As equipes policiais também registraram aumento de 304% nas apreensões de crack, passando de 21 quilos em 2022, para 86 quilos em 2023. Ao todo, a Polícia Militar realizou 154 operações no período atual, contra 126 em 2022.

Além disso, ao longo do mês de junho até o início de julho deste ano, a Polícia Militar foi responsável pela apreensão de 375 armas de fogo e pela recuperação de 330 veículos com alerta de furto ou roubo.

“Nós estamos reforçando o policiamento em todas as regiões do Paraná, inclusive, com os militares estaduais que estão em período final de formação. Os números reforçam a presença da Polícia Militar em todo o estado, garantindo a ordem pública e promovendo mais segurança para todos os paranaenses”, destacou o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Jefferson Silva.


AÇÃO INTEGRADA – O reforço do policiamento e a integração da Polícia Militar com as demais forças de segurança do estado e federais foi demonstrada, inclusive, neste domingo (16), quando equipes de militares estaduais apreenderam 82 armas de fogo, sendo 75 pistolas e sete fuzis, em um caminhão, na BR-369, entre Rolândia e Cambé, no Norte do estado.

A ação contou com a participação de equipes da Receita Federal e da Polícia Federal, e resultou ainda na apreensão de mais de duas toneladas de maconha. Todo o material apreendido era transportado em um caminhão com carga de suínos. O motorista recebeu voz de prisão em flagrante por tráfico de drogas e armas.