turismo

Estado estimula atrativos e gestores do turismo a formatarem novas estratégias para o setor

Evento que foi aberto pelo governador Ratinho Junior reúne prefeitos, secretários municipais e instância de governança do turismo. A meta é fazer do turismo um patrimônio do Paraná.

Estado estimula atrativos e gestores do turismo a formatarem novas estratégias para o setor
Encontro Estadual de gestores do Turismo no MON com a presença do governador Carlos Massa Ratinho Junior - Foto: Albari Rosa/AEN
Publicado em 21/06/2023 às 8:25

Investimentos em infraestrutura e qualificação podem ser determinantes para alavancar o turismo regional no Paraná. Foi o que destacou o governador Carlos Massa Ratinho Junior na abertura do Encontro de Gestores do Turismo. O evento, promovido pela Secretaria de Estado do Turismo, reúne em Curitiba, nesta quarta-feira (14), prefeitos, secretários municipais e instâncias de governança de todo o Estado.

O governador ressaltou que o Estado teve o maior crescimento do setor em março, na comparação com fevereiro, com avanço de 2,6%, e também teve o segundo melhor resultado do País no trimestre, subindo 17,6%, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). “Isso é uma amostra do que queremos para o nosso Estado, que é fazer do turismo do Paraná um grande patrimônio. O setor é a mola propulsora do desenvolvimento, a forma mais barata de gerar emprego”, disse.

“Não podemos perder a oportunidade de alavancar os atrativos dos nossos municípios, e para isso precisamos de organização, infraestrutura de qualidade e qualificação no atendimento. Queremos alavancar o turismo doméstico, buscando visitantes de estados próximos para gastar no Paraná”, afirmou o governador. “Temos potenciais em diversos segmentos, no turismo religioso, rural, esportivo, gastronômico, de natureza e de negócios. E é trabalhando em conjunto, organizando os municípios, que vamos conseguir crescer cada vez mais, gerando emprego e renda”.

Ratinho Junior destacou, ainda, que com mais infraestrutura e divulgação dos atrativos, o Paraná entrou no roteiro de cruzeiros internacionais. A partir de novembro, o Porto de Paranaguá será ponto de embarque e desembarque de navios de cruzeiros. Além disso, também foram confirmadas novas rotas aéreas para o Estado, com novos voos ligando Curitiba a Montevidéu e Foz do Iguaçu a Lima, Santiago e Montevidéu.

O secretário estadual do Turismo, Marcio Nunes, explicou que o objetivo do encontro é mostrar as pessoas envolvidas com o turismo, tanto no setor público quanto no privado, as estratégias para fazer com as atividades avancem com qualidade. “Estamos recebendo os gestores de praticamente todos os municípios do Paraná, principalmente aqueles com vocação turística, para ter um olhar voltado para a área, permitindo gerar emprego, renda e qualidade de vida para as pessoas”, salientou. 

QUALIFICAÇÃO  Outro ponto destacado pelo governador foi a qualificação dos profissionais que atuam em empreendimentos do setor, como, hotéis, pousadas, restaurantes e outros estabelecimentos. No início do mês, o Governo do Estado, por meio das secretarias do Turismo e da Educação, firmou um acordo com a Fecomércio-PR e o Senac-PR para ofertar gratuitamente à população 4 mil vagas para cursos profissionalizantes na área.

São 27 cursos (23 presenciais e quatro a distância) no total, com cargas horárias que variam de 15h a 240h, em áreas como hotelaria, gastronomia, eventos, recepção turística e tecnologia. As inscrições deve começar no mês que vem e a vagas são destinadas para todo o Estado.

Marcelo Martini, diretor de Gestão e Qualificação do Turismo da Secretaria do Turismo, explicou que os cursos profissionalizantes vão qualificar o setor no Paraná. “Essa parceria, além de levar uma formação a milhares jovens e adultos, também vai melhorar o atendimento em empreendimentos turísticos. Os participantes terão oportunidades no setor”, disse.

ENCONTRO DE GESTORES – O encontro é promovido pela Secretaria de Estado do Turismo e está em sua segunda edição – a primeira aconteceu em 2019. O evento reúne agentes envolvidos direta e indiretamente com o setor para debater o desenvolvimento do segmento. Neste ano, o evento discute temas como sustentabilidade, inovação e união.

O objetivo é sensibilizar os gestores de turismo das prefeituras para a importância da atividade na economia dos municípios, de forma sustentável, mobilizar os profissionais que atuam no planejamento, organização, qualificação e promoção, e criar conexões e sintonia entre todas as 19 regiões turísticas do Estado.

“A proposta é discutir com os municípios a importância de políticas públicas para turismo, atuando com cooperação, inteligência e sustentabilidade para o fomento ao setor. É uma estratégia que envolve tanto a iniciativa privada, quanto o setor público”, explicou a coordenadora de Gestão e Sustentabilidade da Secretaria do Turismo, Anna Carolina Vargas.

O próprio evento já aborda esses temas na prática. O encontro propõe a redução do uso de plástico e de papel, com crachás retornáveis para reuso, copos ecológicos e reutilizáveis, backdrop de LED e coffee break montado por uma fornecedora regional da comunidade caiçara, que trabalha com turismo sustentável. O formato prevê uma atitude sustentável, com foco na Agenda 2030 e nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

Além disso, a Secretaria do Turismo firmou um acordo com o Instituto Água e Terra (IAT) para fazer a compensação de carbono do encontro. Para isso, será medido o impacto do evento com uma calculadora de carbono. O dado será repassado ao IAT, que vai designar áreas de unidades de conservação ou outros locais que precisam de restauração da cobertura vegetal, fazendo o plantio de árvores.

PRESENÇAS – Participaram da solenidade o vice-governador Darci Piana; os secretários estaduais do Planejamento, Guto Silva; da Agricultura e do Abastecimento, Norberto Ortigara; da Cultura, Luciana Casagrande Pereira; e da Mulher e Igualdade Racial, Leandre Dal Ponte; os diretores-presidentes da Invest Paraná, Eduardo Bekin; do Instituto Água e Terra (IAT), Everton Souza; e do Museu Oscar Niemeyer, Juliana Vosnika; e os deputados estaduais Matheus Vermelho, Artagão Júnior, Cloara Pinheiro, Luís Corti, Anibelli Neto e Denian Couto.