tecnologia da informação

Governo finaliza 1ª etapa de treinamento de software que fortalece a gestão municipal

O Programa Integrado de Gestão de Dados Municipais é uma ferramenta adquirida pelo governo estadual que otimiza dados das cidades e facilita a gestão pública. Ao longo desta semana, engenheiros e técnicos de 11 municípios do Paraná participaram do treinamento.

Governo finaliza 1ª etapa de treinamento de software que fortalece a gestão municipal
Governo finaliza 1ª etapa do treinamento em software que fortalece gestão municipal no Paraná Foto: Valdelino - Pontes/SECID
Publicado em 27/06/2023 às 8:40

A Secretaria de Estado das Cidades encerrou nesta sexta-feira (23) a primeira etapa do treinamento do Programa Integrado de Gestão de Dados Municipais (PROGDM), um software adquirido pelo governo estadual que otimiza dados das cidades e facilita a gestão pública. Ao longo desta semana, engenheiros e técnicos de 11 municípios do Paraná participaram do curso.

“É um dos melhores programas do Estado e um dos melhores do País. Oferece autonomia na gestão técnica e rapidez, eficiência e eficácia na tomada de decisões. A minha vinda aqui é para agradecer e valorizar o trabalho realizado por essa primeira turma, que é muito qualificada”, enfatizou o secretário das Cidades, Eduardo Pimentel.

Ele pediu que cada participante do programa atue replicando em suas cidades o conhecimento adquirido. “Não há riscos ou receio algum em dar publicidade aos dados. Transparência na gestão é nossa obrigação, e é necessária nos serviços públicos do País”, disse.

Para o coordenador de Tecnologia da Informação do Paranacidade, Leandro Moura Victorino, a receptividade ao treinamento foi positiva. De Marechal Cândido Rondon, Oeste do Paraná, com 55 mil habitantes, a analista técnica Elizandra Lamb assegura que a ferramenta será usada em sua cidade. “Já temos uma boa base de dados. Eu considero o treinamento bem interessante e acho que vamos precisar adquirir outras ferramentas para um aproveitamento maior ainda, em favor da população”, assegurou.

Rosilda von Kruger, gerente de Cadastro e Tributação de Ivatuba, cidade do Norte do Paraná, com 3.900 habitantes, também gostou. “Essa ferramenta vai agregar muito mais valor à gestão pública. Estamos no início, mas vou multiplicar esse conhecimento em nossa prefeitura”, afirmou.

“O treinamento foi muito bom e o software é interessante porque vai ajudar principalmente os pequenos municípios, como o nosso”, disse o engenheiro civil Michel Borghi, de Diamante do Norte, no Noroeste, município com 5.668 habitantes.

TREINAMENTO INTERNO – O mesmo treinamento já foi feito para técnicos da Secretaria das Cidades (Secid) e do Serviço Social Autônomo Paranacidade. O superintendente de Articulação Regional da Casa Civil, Marcio Wozniack, defende o uso dessa ferramenta, que dá a mesma importância aos municípios, independente do seu tamanho e localização.

“Dados dos contribuintes, do Plano Diretor, de mapas temáticos, de lotes e outros são lançados no sistema e podem ser vistos em três ou quatro cliques do computador. Fui prefeito (de Fazenda Rio Grande) e sei da dificuldade de aumentar, com justiça, o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) na cidade. Ao conhecer esse software fiquei fascinado pela facilidade de seu uso”, afirmou.

O diretor da empresa GeoMais, Rafael Carlos Thiesen, que apresentou a ferramenta nesse treinamento interno, ressaltou a iniciativa do Paraná. “Nós trabalhamos com esse software em todo o Brasil. E nunca vimos um só estado oferecer este tipo de serviço e de forma gratuita e com licença de uso perpétuo aos seus municípios. De fato, o Paraná sai na frente e é exemplo para todo o País”, disse.

ADESÃO – Dos 399 municípios paranaenses, 42 ainda não assinaram o Termo de Adesão ao software. Nesta primeira fase, foram treinados os municípios de Castro, Campo Mourão, Guaíra, Marechal Cândido Rondon, Mandaguaçu, Nova Santa Rosa, Diamante do Norte, Ivatuba, Piên, Palmas e Pinhal de São Bento.