Segurança Pública

Governo nomeia 225 novos policiais civis para reforçar quadros da segurança pública

O governador em exercício Darci Piana nomeou nesta sexta-feira (21) 44 delegados, 140 investigadores, 16 escrivães e 25 papiloscopistas aprovados em concursos públicos realizados em 2018 e 2020.

Governo nomeia 225 novos policiais civis para reforçar quadros da segurança pública
Governo nomeia 225 novos policiais civis para reforçar quadros da segurança pública
Foto: PCPR
Publicado em 24/07/2023 às 9:00

A Polícia Civil do Paraná (PCPR) receberá o reforço de 225 novos policiais para a segurança dos paranaenses. O governador em exercício Darci Piana nomeou nesta sexta-feira (21) 44 delegados, 140 investigadores, 16 escrivães e 25 papiloscopistas aprovados em concursos públicos realizados em 2018 e 2020. A medida foi publicada no Diário Oficial.

“Esses policiais civis vão atender a população em unidades de todo o Estado e vão contribuir muito para garantir mais segurança e eficácia nas investigações à população paranaense”, afirmou Piana. 

De acordo com o secretário da Segurança Pública do Paraná, Hudson Leôncio Teixeira, essas são áreas com grande importância para a segurança pública. “Precisamos enaltecer todo o esforço do governador Ratinho Junior e ressaltar que todo esse efetivo de delegados e de policiais civis garante que a sociedade tenha ainda mais segurança”, disse.

O delegado-geral da PCPR, Silvio Jacob Rockembach, destacou que a nomeação demonstra a atenção do Estado com essa área, que presta serviço diretamente para a comunidade. “São policiais de todas as carreiras que vão contribuir de forma conjunta para que os serviços da PCPR sejam prestados com excelência e de maneira descentralizada”, completou. 


ENSINO – Após a nomeação, os policiais participarão do curso de formação na Escola Superior da Polícia Civil. O planejamento é que iniciem o treinamento na segunda semana de agosto e, ainda neste ano, estejam atuando nas delegacias de polícia de todo o Estado, um significativo incremento no combate à criminalidade. 

Durante os meses de aperfeiçoamento, eles cursarão matérias de conhecimento técnico-operacional, dentre aulas práticas e teóricas. As competências adquiridas proporcionarão a habilitação necessária para atuar em qualquer cidade do Estado. 

O quadro de ensino da PCPR está dividido em seis áreas temáticas, que vão de investigação à formação humanista e cultura geral. A grade de ensino faz parte da nova matriz curricular, que tem o objetivo de trazer melhorias na formação de conhecimento dos policiais e auxiliar na visão de plano de carreira, visto que o servidor passa a visualizar quais áreas temáticas pode se especializar. 

MAIOR CONTRATAÇÃO – Em 2022, o governo nomeou mais de 400 novos policiais civis. A turma fez parte da maior contratação da história. A preparação encerrou em dezembro do ano passado e desde então esses policiais já estão atuando em todo o Paraná