infraestrutura

Governo reforça sinalização da rodovia estadual entre Floresta e Itambé

Investimento passa de R$ 300 mil. Os serviços beneficiam 12 mil habitantes dos dois municípios e o tráfego de longa distância, principalmente no escoamento da produção agropecuária local, com ênfase no milho e na soja, e de frango.

Governo reforça sinalização da rodovia estadual entre Floresta e Itambé
PR-546 Floresta e Itambé - Foto: DER
Publicado em 29/06/2023 às 14:20

A Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (SEIL) finalizou o reforço da sinalização viária da PR-546, ligação entre Floresta e Itambé, na região Centro-Oeste. Os serviços foram realizados por meio do Programa de Segurança Viária das Rodovias Estaduais (Proseg Paraná) do Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER/PR), em um investimento de R$ 317.026,25 para atender 10,48 quilômetros.

Além de nova sinalização horizontal no eixo e nos bordos da pista, também foram instaladas novas placas. Todas as melhorias foram definidas atendendo às características do trecho, conforme projeto executivo elaborado especificamente para esta rodovia.

Os serviços beneficiam 12 mil habitantes dos dois municípios e o tráfego de longa distância, principalmente no escoamento da produção agropecuária local, com ênfase no milho e na soja, e de frango.

PROSEG PARANÁ – O Governo do Paraná está investindo no reforço da segurança das estradas em todo o Estado. Somente no Lote 5 do Proseg Paraná, ao qual a PR-546 pertence, estão em andamento ou previstas melhorias em 1.519,14 quilômetros de rodovias estaduais da Superintendência Regional Noroeste do DER/PR. O investimento neste lote é de R$ 61.649.807,57, com prazo para execução até novembro de 2024.

O objetivo do programa é diminuir o número de acidentes, com dispositivos que auxiliem os usuários, principalmente no período noturno. Além de executar sinalização horizontal e vertical, instalar dispositivos de segurança, o Proseg Paraná também faz a manutenção e reposição em casos de danos ao patrimônio público.

O contrato está dividido em oito lotes, que contemplam 9.965,43 quilômetros da malha rodoviária paranaense, com investimento de R$ 412.202.235,02 do Governo do Paraná.