Pavimentação

Pavimentação em concreto entre Goioerê e Quarto Centenário inicia fase de habilitação

Obra prevê 11 quilômetros de restauração em concreto na PR-180, implantação de terceiras faixas, acostamentos, interseções em nível e iluminação viária. São três participantes nesta etapa, que agora terão seus documentos analisados por comissão de julgamento do DER/PR.

Pavimentação em concreto entre Goioerê e Quarto Centenário inicia fase de habilitação
Foto: DER-PR
Publicado em 27/09/2023 às 11:30

O Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER/PR), autarquia da Secretaria de Infraestrutura e Logística (SEIL), abriu nesta terça-feira (26) os envelopes com documentos das empresas que disputam a licitação da obra de restauração em concreto (whitetopping) e terceiras faixas da PR-180 entre Goioerê e Quarto Centenário, na região Centro-Oeste.

São três participantes nesta etapa, que agora terão seus documentos analisados por comissão de julgamento do DER/PR, com o resultado final a ser publicado em diário oficial e no portal Compras Paraná.

A licitação acontece na modalidade Concorrência Pública, em que é definida como vencedora a empresa que tiver sua documentação habilitada e apresentado a proposta de preço mais vantajosa para a administração pública.

A abertura de envelopes de preços aconteceu no final do mês passado com propostas que variaram de R$ 61.708.743,49 a R$ 70.980.645,97.

Após a publicação do resultado da análise de documentos, haverá período para interposição de recurso quanto ao resultado, seguido pela homologação do resultado e adjudicação da obra à vencedora, e finalmente assinatura do contrato.


CONCRETO – Os serviços serão feitos do km 217,02 em Goioerê até o km 228,15 em Quarto Centenário (11 quilômetros). O pavimento atual passará por fresagem e reperfilagem para receber as novas placas de concreto de 21 centímetros de espessura. As faixas de rolamento serão alargadas dos atuais 3,20 metros a 3,40 metros para 3,60 metros cada, incluindo as novas terceiras faixas, que resolverão os pontos em que há congestionamento de veículos pesados e ultrapassagens irregulares.

Os acostamentos terão 2,50 m cada, em ambos os lados da rodovia, também com pavimento rígido de concreto, com placas de 15 cm de espessura nestes espaços.

Serão três interseções em nível no trecho, incluindo o entroncamento da PR-180 com a Avenida Vicente Carlos, em Goioerê, que passará a ser uma rótula alongada; um retorno operacional com via marginal na Estrada do Aeroporto; e acessos do tipo “gota” com refúgio central para acessar o perímetro urbano de Quarto Centenário. Também serão adequados e melhorados os acessos aos lotes lindeiros, que incluem cooperativas, indústrias e espaços públicos.

A obra prevê ainda a implantação de dispositivos de drenagem para lidar com águas da chuva e águas subterrâneas, nova sinalização horizontal e vertical, dispositivos de segurança, revestimento vegetal nos espaços próximos à pista e pontos de parada de ônibus, entre outros. A nova iluminação viária consistirá em 102 postes metálicos de 12 metros de altura, com luminárias LED e rede elétrica de distribuição trifásica em média tensão.

O traçado da PR-180 será mantido, exceto para correção da geometria de algumas curvas que apresentam maior risco de acidentes. Com todas as melhorias no pavimento, alargamento das faixas de rolamento e garantidas as condições de segurança, a velocidade diretriz da rodovia passará de 80 km/h para 100 km/h.

O prazo de execução dos serviços, concluída a licitação, assinado o contrato e emitida a ordem de serviço, é de 360 dias corridos.

Esta obra integra o novo programa de governo Paraná Concreto, que prevê a implantação e restauração de pavimentos com concreto em rodovias de todas as regiões do Estado. Esta será a terceira obra do Governo do Paraná utilizando a técnica whitetopping, que reaproveita o pavimento asfáltico existente como base para o novo pavimento rígido de concreto, e a primeira fora da região Sudoeste.

PROJETO – O projeto executivo de restauração e ampliação da capacidade desse trecho da PR-180 é resultado da parceria entre a Secretaria de Infraestrutura e Logística e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), na forma do Programa Estratégico de Infraestrutura e Logística de Transportes do Paraná.