Crimes Ambientais

PCPR investiga grupo criminoso responsável por cometer crimes ambientais em Curitiba

De acordo as investigações, o grupo criminoso, composto por pessoas físicas e jurídicas, é responsável por cortar árvores sem permissão, com o objetivo de favorecer a visualização de painéis de publicidade.

PCPR investiga grupo criminoso responsável por cometer crimes ambientais em Curitiba
PCPR investiga grupo criminoso responsável por cometer crimes ambientais em Curitiba
Foto: PCPR
Publicado em 11/07/2023 às 10:00

A Polícia Civil do Paraná (PCPR) está nas ruas desde as primeiras horas da manhã desta terça-feira (11) para cumprir 15 ordens judiciais contra um grupo criminoso responsável por cometer crimes ambientais em Curitiba.  

Dentre os mandados estão seis de prisão e nove de busca e apreensão. A ação acontece simultaneamente nos bairros Capão Raso, Batel, Tingui, Uberaba, Barreirinha e Centro, em Curitiba, e Centro e Alphaville, em Pinhais, na Região Metropolitana da Capital. 

De acordo as investigações, o grupo criminoso, composto por pessoas físicas e jurídicas, é responsável por cortar árvores sem permissão, com o objetivo de favorecer a visualização de painéis de publicidade.

Segundo as investigações, centenas de árvores foram cortadas sem licença ambiental para garantir a visualização dos painéis.

Os investigados responderão pelos crimes de destruição de vegetação, destruição de plantas de ornamentação públicas, utilização ilegal de motosserra, poluição e associação criminosa.