Cibercrimes

PCPR ministrou palestras sobre violência e cibercrimes para 3,7 mil pessoas em novembro

Os eventos tiveram como público-alvo servidores, alunos, educadores, assistentes sociais, conselheiros tutelares, conselheiros municipais e aconteceram em escolas, universidades e instituições públicas como secretarias e prefeituras.

PCPR ministrou palestras sobre violência e cibercrimes para 3,7 mil pessoas em novembro
Foto: PCPR
Publicado em 07/12/2023 às 10:00

A Polícia Civil do Paraná (PCPR) ministrou palestras para 3,7 mil pessoas em novembro sobre violência doméstica, cibercrimes, serviços de polícia judiciária, rede de proteção e combate às drogas. As ações aconteceram em Curitiba e Região Metropolitana e no Interior do Estado. As palestras fazem parte do programa PCPR na Comunidade e foram ministradas por investigadores e delegados.    

Os eventos tiveram como público-alvo servidores, alunos, educadores, assistentes sociais, conselheiros tutelares, conselheiros municipais e aconteceram em escolas, universidades e instituições públicas como secretarias e prefeituras.  

De acordo o coordenador do projeto, João Mário Goes, a iniciativa aproxima a PCPR da população paranaense. “As palestras são uma forma de levar conhecimento e prevenir que o cidadão seja vítima de crimes”, diz.

Em Porto Amazonas, nos Campos Gerais, foram três ações voltadas para alunos e idosos. Segundo a secretária de Educação do município, Emília Morgado Salgado, a ação abordou temas importantes envolvendo a cidadania. “As crianças ficaram atentas, preocupadas com as situações, prestaram atenção no que pode e no que não pode. É uma forma de aproximar a segurança pública da comunidade”, afirma.

PCPR NA COMUNIDADE – O PCPR na Comunidade é um projeto que acontece regularmente em todo o Paraná. O objetivo é levar serviços de polícia judiciária à população, promover atendimento humanizado, auxiliar na identificação de possíveis vítimas e na conclusão de investigações, além de fortalecer a eficiência na prestação do serviço público e representar a instituição em atividades em prol da sociedade.  

Tópicos