Importações e Exportações

Recorde: Porto de Paranaguá recebe quase 2,5 mil caminhões de grãos e farelo em 24 horas

Mais da metade, 57,6%, dos 2.456 caminhões que entraram no pátio de triagem nessas 24 horas, estavam carregados com soja. Apesar do fluxo intenso, essa recepção ocorreu de forma ordenada e sem qualquer fila.

Recorde: Porto de Paranaguá recebe quase 2,5 mil caminhões de grãos e farelo em 24 horas
Porto de Paranaguá recebe quase 2.500 caminhões de grãos e farelo em 24 horas
Foto: Claudio Neves/Portos do Paraná
Publicado em 06/07/2023 às 15:15

O Pátio Público de Triagem do Porto de Paranaguá recebeu uma quantidade recorde de caminhões em 24 horas. Das 7h de terça-feira (04) às 7h desta quarta (05), 2.456 veículos acessaram o local onde permanecem para aguardar a descarga dos granéis sólidos de exportação. Apesar do fluxo intenso, essa recepção ocorreu de forma ordenada e sem qualquer fila.

Mais da metade (57,6%) dos caminhões que entraram no pátio de triagem nessas 24 horas estavam carregados com soja. Um total de 1.414 veículos descarregaram o grão nos terminais do Porto de Paranaguá no período. Carregados com milho foram recebidos 548 caminhões, e com farelo de soja outros 494 veículos.

“Esse é o maior número de caminhões já recebido no pátio de triagem em um único dia”, afirma o diretor-presidente da Portos do Paraná, Luiz Fernando Garcia. Além da quantidade, segundo ele, o tempo de permanência no local também se destaca.

“A performance dos terminais na recepção e descarga desses caminhões também está muito boa. Neste mês de julho, o tempo médio de permanência dos caminhoneiros no pátio é de seis horas e quarenta e três minutos”, acrescenta Garcia.

FLUXO – O pátio de triagem tem capacidade estática para receber cerca de mil caminhões. No local, todo grão e farelo que chega para a descarga nos terminais de exportação do Porto de Paranaguá é classificado e tem a qualidade atestada pela empresa contratada pela Associação dos Terminais do Corredor Leste do Porto de Paranaguá (Atexp).

Segundo o diretor de Operações da Portos do Paraná, Gabriel Vieira, a logística de recebimento das cargas na chegada à cidade é pensada na organização e controle. “Não temos filas. Atuamos com janelas de agendamento para os caminhões, controle do fluxo de veículos através de cotas diárias aos terminais, dentro de um sistema de gestão chamado Carga On Line”, afirma.

Ainda segundo Vieira, a Portos do Paraná está permanentemente atenta à performance de cada terminal. Esse controle é feito por um “medidor”, que avalia o desempenho da descarga de cada terminal e, com base nisso, controla o cadastro dos caminhões para cada local de descarga. “Controlamos o número de veículos na via de acesso aos terminais. Os algoritmos desenvolvidos pelo sistema Carga On Line analisam e controlam esse fluxo de caminhões desde a origem até a descarga”, afirma o diretor.