Religião Histórica

Vice-governador recebe líder da Igreja Ortodoxa grega na América do Sul

Dom Iosif está no País em visita às coletividades ortodoxas brasileiras. Em Curitiba, ele participou de uma conferência na PUC-PR e, no domingo (9), fará uma celebração litúrgica na Igreja São Savas.

Vice-governador recebe líder da Igreja Ortodoxa grega na América do Sul
O vice-governador Darci Piana recebeu nesta sexta-feira (7), no Palácio Iguaçu, Dom Iosif Bosch, arcebispo greco-ortodoxo da Arquidiocese Ortodoxa da América do Sul, que pertence ao Patriarcado Ecumênico de Constantinopla.
Foto: Igor Jacinto/Vice-governadoria
Publicado em 10/07/2023 às 11:10

O vice-governador Darci Piana recebeu nesta sexta-feira (7), no Palácio Iguaçu, Dom Iosif Bosch, arcebispo greco-ortodoxo da Arquidiocese Ortodoxa da América do Sul, que pertence ao Patriarcado Ecumênico de Constantinopla. Dom Iosif está no País em visita às coletividades ortodoxas brasileiras. Em Curitiba, ele participou de uma conferência na PUC-PR e, no domingo (9), fará uma celebração litúrgica na Igreja São Savas.

Piana destacou que o Paraná está consolidando diversos roteiros do turismo religioso, com foco em diferentes denominações religiosas. Ele citou o Caminho Iniciático de Santiago de Compostela, em fase de planejado para ser implantado na região Centro-Oeste. “Esse é um trabalho que busca envolver todas as religiões, sem distinção de fé. As igrejas têm grande importância cultural no nosso Estado e o turismo religioso, que é um dos principais segmentos turísticos do mundo, tem um potencial enorme para movimentar a economia”, disse.

Em Curitiba, a Igreja Ortodoxa Grega São Savas está organizando a celebração de 50 anos de sua fundação, que será comemorada no ano que vem. Junto à Associação Helênica do Paraná, ela contribui com a manutenção da cultura grega no Paraná, que recebeu diversos imigrantes da Grécia, principalmente na década de 1960.

“A Igreja Ortodoxa está presente em toda a América do Sul e, aqui no Paraná, tem uma comunidade grande, concentrada na Paróquia de São Savas, além de outras comunidades em todo o Brasil”, disse Dom Iosif. “Vim ao Brasil para visitar nossos fiéis e divulgar nossa cultura e espiritualidade. Esse encontro com o governo é muito importante para nós, porque a igreja é aberta para todos”.

PRESENÇAS – Acompanharam a visita o vigário arquidiocesano para o Sul do Brasil e reitor paroquial da Igreja São Savas, monsenhor Irineo Tamanini; as presidente da Associação Helênica do Paraná, Sula Atanazia Frantzezos Kotzias; e da Coletividade Helênica de São Paulo, Caterine Daris; e o coordenador do Grupo de Trabalho do Turismo Religioso do Governo do Paraná, Eliseu Rocha.